Pesquisar este blog

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

David Bowie Superstar

Ensaiei por dias para conseguir escrever algo sobre David Bowie, morto no último dia 10, dois dias após completar 69 anos de vida e de lançar o álbum Blackstar.

Durante esses dias, enquanto me conformava com a notícia, revisitei sua obra musical e fiquei escutando seus clássicos: The Jean Genie, Space Oddity, Changes, Life On Mars?, Heroes, Ziggy Stardust, Starman, Young American, Ashes To Ashes. Confesso que escutei mais os hits da minha época: Under Pressure, Let's Dance, China Girl, Modern Love, Blue Jean, Loving The Alien, Dancing In The Street, Absolute Beginners, Underground, As The World Falls Down, Never Let Me Down, Tonight, Day-In Day-Out, This Is Not America. Redescobri os vídeos: Miracle Goodnight, Buddha Of Surbubia, The Heart´s Filth Lesson, Strangers When We Meet, Hallo Spaceboy, Little Wonder, New Killer Star, Valantine's Day, Love Is Lost, Where Are We Now? E vi também, os seus mais recentes vídeos, Lazarus e Blackstar, ambos do seu 26º álbum de estúdio. 

E o que falar desse ícone da música que atravessou várias gerações? Tudo que sei ou que pesquisar para escrever aqui, vai soar pequeno diante da sua grandeza. Grandeza notada, mais de perto, na exposição sobre sua vida e obra que aconteceu no início de 2014 no MIS/SP, comentada aqui no blog (pesquise por Exposição David Bowie). 


Segue uma singela homenagem à super estrela Bowie, com um dos seus primeiros vídeos, que narra a missão espacial do astronauta Major Tom, e um dos últimos, que faz alusão ao astronauta morto, esquecido em algum lugar do espaço. Será?  

Space Oddity
Estranho Espaço 

video

Blackstar
Estrela Negra

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário